NOTÍCIAS

24 de janeiro de 2019

ABRH Brasil empossa novos dirigentes da Gestão 2019-2021

Foto: da esq. pra a dir Orian Kubaski (vice-presidente), Eliane Ramos (conselheira consultiva), Paulo Sardinha (presidente executivo) e Pedro Ramos (diretor).

Depois de três anos à frente da ABRH-RJ, Paulo Sardinha assume a presidência da principal entidade representativa dos profissionais de recursos humanos do país, a ABRH Brasil. Em cerimônia de posse realizada na quarta-feira (23), na capital paulista, também foram empossados os presidentes e integrantes dos Conselhos Deliberativo, Fiscal e Consultivo, além das diretorias da associação para a Gestão 2019-2021 (conheça abaixo os integrantes e respectivos cargos).

Paulo Sardinha toma posse como presidente da ABRH Brasil.

Ao lado de Sardinha, representantes da ABRH-MG integram a liderança da entidade pelo próximo triênio. Eliane Ramos, presidente da seccional mineira, foi empossada conselheira consultiva;  e as atuais conselheiras e ex-presidentes da ABRH-MG  Glória Meireles e Dayse Carnaval assumiram, respectivamente, os cargos de primeira vice-presidente do Conselho Deliberativo e presidente do Conselho Consultivo.

Da esq. para a dir: Glória Meireles, Dayse Carnaval e Eliane Ramos de Vasconcellos Paes.

Orian Kubaski, que hoje lidera a ABRH-RS, assume a vice-presidência da ABRH Brasil. Leyla Nascimento, presidente da Federação mundial de RH (Word Federation of People Management Association – WFPMA), tomou posse como vice-presidente de Relações Internacionais; e Cássio Mattos foi escolhido como vice-presidente Financeiro. Mattos já presidiu a associação por dois mandatos consecutivos, entre 1998 e 2000 de 2001 a 2003.

O novo líder da ABRH Brasil, Paulo Sardinha, tem mais de 35 anos de experiência em cargos de liderança na área de gestão de pessoas, foi gerente de RH em multinacionais como a Xerox e Linde Gas Group; além de diretor de recursos humanos da Safran Helicopter Engines. Conheça os integrantes da Gestão 2019-2021:

Diretoria Executiva
Presidente
Paulo Sardinha (RJ)

Vice-presidente
Orian Kubaski (RS)

Vice-presidente Relações Internacionais
Leyla Nascimento (RJ)

Vice-presidente Financeiro
Cássio Mattos (RS)

Conselho Deliberativo

Presidente
Theunis Marinho (SP)

Primeiro vice-presidente
Glória Meireles (MG)

Segundo vice-presidente
Danielle Quintanilha (ES)

Conselho Consultivo

Presidente
Dayse Fonseca Carnaval Ferreira (MG)

Conselheiros
Elane Medeiros da Silva (AM)
Eliane Ramos de Vasconcelos Paes (MG)
Dadson Borges de Moraes (GO)
Maria Sampaio de Almeida (BA)
Donizetti Tadeu Moretti (SP)
Marcos Freitas (CE)

Conselho Fiscal

Ério Nascimento (RS)
José Prado (DF)
Joaquim Correia (RJ)

Suplentes
Paulo Sérgio Bastos Menezes (DF)
Noêmia Lucas (SE)
Saidul Rahman Mahomed (RJ)

Para a escolha dos integrantes da ABRH Brasil, foram realizadas eleições no dia 12 de outubro com a participação dos presidentes das 22 seccionais distribuídas pelo país. Eles escolheram, para o próximo triênio, os profissionais que estarão no comando da Diretoria Executiva e dos Conselhos Deliberativo, Consultivo e Fiscal.

Integrantes do Conselho Consultivo da ABRH Brasil.

 

Dayse Carnaval, Eliane Ramos, Pedro Ramos (diretor de RH da TAP e novo diretor da ABRH Brasil) e Glória Meireles.

 

Danielle Quintanilha, Eliane Ramos, Kátia Vasconcelos (presidente ABRH-ES) e Guilherme Cavalieri (presidente ABRH-SP).

Sobre a ABRH-Brasil

A ABRH-Brasil está presente em 21 Estados e no Distrito Federal. As seccionais são desvinculadas juridicamente e independentes, integradas na missão de promover o desenvolvimento dos profissionais de RH e gestores de pessoas por meio de eventos, pesquisas e troca de experiências, além de colaborar com os poderes públicos e demais entidades nos assuntos referentes à sua área de atuação.

Filiada à WFPMA (World Federation of People Management Associations) e à FIDAGH (Federación Interamericana de Asociaciones de Gestión Humana), a ABRH-Brasil é cofundadora e integra a CRHLP (Confederação dos Profissionais de Recursos Humanos dos Países de Língua Portuguesa), fundada em 2010.