Evento

22 de agosto de 2018

Dica cultural: Mônica Salmaso, Orquestra Sesiminas e Dudu do Cavaco em show inédito

Afeto, delicadeza, talento. São esses os ingredientes do espetáculo inédito que a cantora Mônica Salmaso, a Orquestra de Câmara Sesiminas e o músico Dudu do Cavaco irão apresentar dia 29 de agosto, quarta-feira, às 20 horas, no Teatro Sesiminas. A iniciativa faz parte do projeto Mano a Mano – que tem o apoio da ABRH-MG – e  visa arrecadar recursos para manutenção e ampliação das ações do Instituto Mano Down. Os ingressos já estão à venda na bilheteria do teatro, com preços que variam de R$ 25 a R$ 180.

Com criação e direção assinadas por Pedrinho Alves Madeira, o espetáculo vai reunir clássicos da MPB como Beatriz e Ciranda da Bailarina (ambas de Chico Buarque), Odeon (de Ernesto Nazareth e Vinicius de Moraes), Aquarela do Brasil (de Ary Barroso), Feitiço da Vila (de Noel Rosa), Melodia Sentimental (de Villa Lobos), entre outros.

Mônica Salmaso subirá ao palco acompanhada pelo pianista Rafael Martini e da Orquestra de Câmara Sesiminas, seu repertório contará com arranjos do maestro Nelson Ayres. Já Eliseu Barros responde pelos arranjos das canções interpretadas por Dudu do Cavaco e a Orquestra de Câmara Sesiminas terá regência do maestro Marco Antônio Maia Drumond. De acordo com o diretor Pedrinho Alves Madeira, o show será dividido em blocos, com os artistas ora se revezando no palco ora se apresentando em conjunto. “É um espetáculo delicado e sensível, pautado por algumas das mais belas canções da MPB”, revela. A apresentação contará ainda com cenário e desenho de luz assinados, respectivamente, por Miriam Menezes e Bruno Cerezoli.

Para o presidente e fundador do Instituto Mano Down, Leonardo Gontijo, além de aproveitar uma experiência musical única, o público que for ao show estará contribuindo para promover o bem. “O objetivo do projeto, além de ser uma ação beneficente, é demonstrar o poder que a música tem para desmistificar a crença de que pessoas com Down ou outras deficiências sejam menos capazes. O Dudu é o único músico com Síndrome de Down da América Latina a ter uma banda. Isso mostra que é preciso apenas dar oportunidade e estimular para que todos tenham possibilidade de descobrir suas aptidões, desenvolver suas habilidades, talentos e realizar seus sonhos”, afirma.

Instituo Mano Down

O Instituto Mano Down nasceu da idealização de sonhos de um grupo de pessoas que, acreditando nas capacidades das pessoas com síndrome de Down, pensaram que poderiam agir e oferecer a essas pessoas, oportunidades de serem protagonistas de suas histórias. A história foi iniciada em 2010, por Leonardo Gontijo, com o objetivo de dar vez e voz para as pessoas com Síndrome de Down.

Tudo surgiu a partir do amor de Leonardo por seu irmão caçula, Eduardo – mais conhecido como Dudu do Cavaco; que tem Síndrome de Down. Depois de publicar 2 livros para o irmão e de juntos palestrarem por várias regiões do Brasil – levando informações, orientações e perspectivas para as pessoas; Leonardo oficializou o Estatuto do Instituto Mano Down em novembro de novembro de 2015, ampliando a sua atuação para projetos de socialização, desenvolvimento potencializado, mobilização para autonomia e inserção no mercado de trabalho.

Serviço:

Projeto Mano a Mano

Mônica Salmaso + Orquestra Sesiminas + Dudu do Cavaco+Rafael Martini

Data: 29 de agosto de 2019

Horário: 20h

Local: Teatro Sesiminas (R. Padre Marinho, 60 – Santa Efigênia)

Ingressos:

Plateia I com ingressos de R$ 180 e R$ 90 (meia) e R$ 150 e R$ 75 (meia)

Plateia II com ingressos de R$ 80 e R$ 40 (meia) e R$ 50 e R$ 25 (meia)

À venda na bilheteria do Teatro e site www.tudus.com.br

Projeto Mano a Mano

Produção: Alves Madeira e Milena Pedrosa

Realização: Instituto Mano Down